215ª Edição - Ano VI
De 12 a 31 de maio/2014
 

 
Reitor da Univap Recebe o Título de Cidadão Joseense

O Em sessão solene na Câmara Municipal de São José dos Campos e por indicação do Vereador Fernando Petiti da Farmácia Comunitária, o Reitor da Univap, Prof. Dr. Jair Candido de Melo, recebeu, dia 9 de maio, o Título de Cidadão Joseense, em reconhecimento aos serviços educacionais prestados ao município de São José dos Campos.

Abertura da sessão solene
 
O Presidente da FVE, presta
homenagem ao Reitor da Univap
 
O Diretor da Faculdade de Direito,
Prof. Sérgio Bacha, durante o discurso

A proposta de homenagem foi aprovada por unanimidade pelos vereadores do município e a cerimônia reuniu professores, funcionários e alunos da Univap, colegas e amigos do ITA, autoridades do município e familiares.
Compuseram a mesa o presidente da cerimônia e indicador do título, o Vereador Fernando Petiti, o representante do Prefeito de São José dos Campos e Secretário de Educação, Célio Chaves, o Deputado Estadual Hélio Nishimoto, o Vice-Reitor do ITA, Prof. Dr. Fernando Toshinori Sakane, o Presidente da Fundação Valeparaibana de Ensino (FVE), mantenedora da Univap, Prof. Mestre Samuel Roberto Ximenes Costa e o Vereador Shakespare Carvalho.
O Prof. Jair, 74 anos, nasceu em Viradouro, interior de São Paulo, e veio para São José dos Campos na década de 50. Em 1963, graduou-se Engenheiro Eletrônico no ITA e também concluiu, no mesmo Instituto, o mestrado em 1970 e o doutorado em 1977. Dedicou boa parte de sua vida ao ITA. Foi professor da escola de 1965 a 1992, quando se aposentou. Enquanto esteve lá foi Chefe do Departamento de Telecomunicações; da Divisão de Pós-Graduação; Diretor de Ensino; Vice-Reitor e Reitor de 1984 a 1989. Sua atuação como educador não se ateve apenas ao ITA. Contribuiu na criação da Escola Técnica Everardo Passos (Etep), na implantação do curso de Engenharia Eletrônica; na Univap, como docente desde 1971, ministrou aulas nas áreas da Engenharia e Arquitetura; foi nomeado Pró-Reitor de Graduação, Diretor da Faculdade de Ciências da Saúde, Coordenador do curso de Engenharia Elétrica e eleito, em 2012, como Reitor da Universidade para a gestão 2012-2016.
As homenagens tiveram início pelo Presidente FVE, Prof. Samuel, que enalteceu a pessoa do Reitor e parabenizou a iniciativa do Vereador Petiti. “Não poderia haver um cidadão mais joseense que o Prof. Jair, que quase nasceu em São José. Quero falar do Prof. Jair como colega de trabalho, principalmente nesses últimos dois anos que estamos repartindo a administração da FVE e da Univap. Também espero que o próximo Presidente da FVE possa ter como colega de trabalho um Reitor como o Prof. Jair. Experiente, tranquilo, que sempre manifesta a sua opinião, diverge quando necessário, concorda e apoia, mas sempre respeitando o ser humano e o profissional com quem ele trabalha. É uma honra muito grande trabalhar com ele, pessoa leal, sincera, porém não submissa”.

Vista parcial do público presente
 
O filho mais velho do Reitor da Univap, Dr.
Marcos Melo, durante a homenagem

O Diretor da Faculdade de Direito, Prof. Dr. Sérgio Bacha, foi o segundo a proferir belas palavras que emocionaram a todos. “Prof. Jair. Jair. Jairzão. Hoje, minha voz não é só minha, mas dos que o amam. Falar sobre o Prof. Jair em até 5 minutos, de acordo com o cerimonial, é fácil. Difícil é numa vida toda imitá-lo. Contudo, o menos avisado poderá indagar: mas afinal de contas por que imitá-lo? A resposta só poderá ser dada pelos seus familiares ou por quem teve ou tem a rica oportunidade de conviver com ele. Eu, há 28 anos! O Professor Jair é dono de um caráter inabalável. De uma ética exemplar. De uma honestidade irretocável. De uma grande estatura física e moral. De certezas inegociáveis. De uma inteligência admirável. De uma envergadura intelectual incomum. De uma simpatia contagiante. De uma simplicidade franciscana. De uma sinceridade irritante. Da calma dos monges. De gestos paternais. De um coleguismo gostoso. De uma companhia agradável. De muita disposição para o trabalho. De convicções irrenunciáveis. De um olhar reconfortante. De uma bondade dulcíssima. De um senso de justiça invejável. Por outro lado, é despido das vaidades mundanas. Do jeitinho brasileiro. De posições arrogantes. De palavras vulgares. De posturas indiferentes. De interesses inconfessáveis. De egoísmos. De altivez prepotente. Da covardia dos pusilânimes. Da soberba dos arrogantes. De atitudes interesseiras. Da pressa dos afoitos. O Professor Jair não manda, apenas solicita. Não pede; espera. Não impõe; discute. Mais ouve do que fala. Não concentra, mas partilha. Não se vangloria; divide. Não esconde; revela. Não dá; ensina. Não rebaixa; eleva. Não demora; reconhece. Não esquece; lembra. Não quer; é querido. A nós, Prof. Jair, que temos a sorte de privarmos da sua pessoa, só nos resta agradecer a Deus, que nos fez nascer neste trem que é a vida, e agradecê-lo sempre, por ter nos propiciado estarmos no mesmo vagão que o senhor, Prof. Jair! Muito obrigado por ser nosso professor”.

O Vereador Fernando Petiti
entrega o Título de Cidadão Joseense
 
A esposa do Reitor, Sra. Neusa Melo,
também é homenageada
 
Presidente da FVE agradece os
serviços prestados à instituição

Representando a família, o filho mais velho, graduado em medicina, Dr. Marcos Melo. “Coube a mim, como primogênito, representar todos os filhos do Prof. Jair. Como traduzir em palavras a nossa alma? A nós hoje foi dada a tão difícil tarefa de representá-la, pois jamais foi inventada uma palavra que possa expressar o nosso amor, admiração, respeito. Hoje, nesta data singular, temos a oportunidade de ao menos tentar exprimir nossa gratidão. Primeiramente, a gratidão a Deus pela benção da convivência com este homem de grandes valores. E a gratidão de seus oito filhos, acolhidos com grande satisfação e amor em seu coração. A quem foram ensinados a retidão de caráter, dedicação de trabalho, dignidade nas atitudes e a busca pela sabedoria. Sabedoria essa que não se aprende somente em livros, mas que se conquista com o tempo, com as vitórias e derrotas, e agregam os exemplos das vidas que nos cercam. Alegra nossos corações ter a plena certeza de que o nosso pai é dotado de tão ímpar senso de justiça e ilibada moral. Agradecemos por fim, a você, Pai, pelas repreensões, pelos elogios, pelo afeto e por nos transmitir, assim como a todos à sua volta, as suas virtudes, nos ensinando sempre a ser o melhor de nós mesmos. Assim, podemos dizer que a nossa maior conquista é trilhar um caminho de sucesso e brilhantismo com honestidade, garra, humildade e o caráter que nos dá de exemplo. Afinal, você é nosso pai, nosso modelo, nossa luz, nosso herói. Não há palavra, não há tempo e não há medida que represente o tão gratos e tão felizes estamos por estarmos ao seu lado e hoje, estamos aqui para a entrega deste título que torna palpável os frutos de seu infatigável trabalho. E para encerrar, um poema de Fernando Pessoa, que nos remete à excelência com que realiza todos os seus propósitos”.

“Para ser grande, sê inteiro: nada
Teu exagera ou exclui.
Sê todo em cada coisa. Põe quanto és
No mínimo que fazes.
Assim em cada lago a lua toda
Brilha, porque alta vive”.

Outros componentes da mesa também prestaram homenagem ao Reitor, entre eles, o Secretário de Educação, Célio Chaves, que além de representar o Prefeito faz parte do Conselho Curador da FVE; o Vereador Petiti; o Deputado Estadual Hélio Nishimoto e o Vereador Shakespare.
Ao final dos trabalhos, além do Título de Cidadão Joseense, o Prof. Jair recebeu das mãos do Presidente da FVE uma placa de prata, em agradecimentos aos serviços prestados à instituição.

Assista à Sessão Solene Gravada pela TV Câmara
https://www.youtube.com/watch?v=Sj2Ad7gFUL4

  << Voltar