190ª Edição - Ano V
De 15 a 28 de abril/2013
 

 
Boas Práticas

De forma a contribuir com o Programa Mesa Brasil Sesc - São José dos Campos, a Profª Esp. Patrícia Caetano Jorge, do curso de Nutrição da Faculdade de Ciências da Saúde (FCS) da Univap, ministrou curso teórico-prático para os manipuladores de alimentos das instituições cadastradas no referido Programa.
Além das aulas no Sesc que contaram com a participação de alunos do curso de Nutrição, atividades complementares foram realizadas nas instalações da Faculdade, no Campus Urbanova, com a participação da coordenadora do curso de Biomedicina, Profª Drª Sonia Khouri.

A Profª Patrícia do curso de
Nutrição/FCS durante a aula no Sesc
 
Vista parcial do Auditório no Sesc
 
Orientações às manipuladoras de
alimentos nas instalações dos cursos de
Nutrição e Gastronomia da FCS/Univap

O Mesa Brasil Sesc é uma rede nacional de bancos de alimentos contra a fome e o desperdício. Seu objetivo é contribuir para a promoção da cidadania e a melhoria da qualidade de vida de pessoas em situação de pobreza, em uma perspectiva de inclusão social. Trata-se essencialmente de um Programa de Segurança Alimentar e Nutricional, baseado em ações educativas e de distribuição de alimentos excedentes ou fora dos padrões de comercialização, mas que ainda podem ser consumidos. Assim, o Mesa Brasil Sesc busca onde sobra e entrega onde falta. De um lado, contribui para a diminuição do desperdício, e de outro reduz a condição de insegurança alimentar de crianças, jovens, adultos e idosos. Em ambos os polos desse percurso, as estratégias de mobilização e as ações educativas incentivam a solidariedade e o desenvolvimento comunitário.

As manipuladoras colocam em prática
os conceitos aprendidos em sala de
aula
 
A Profª Sonia Khouri, do curso de Biomedicina apresenta microorganismos
encontrados nos alimentos
 
Aula no Laboratório de Citologia e Microscopia da FCS/Univap

O Sesc dispõe de um serviço estratégico de transporte de alimentos, com a utilização de veículos adequados, estabelecendo uma conexão entre empresas que doam e instituições que, imediatamente, recebem essas doações. Não trabalha com estoques de alimentos. Desenvolve também uma série de atividades educativas junto às instituições beneficentes, ministrando cursos e palestras sobre higiene, conservação, preparo de refeições e variadas formas de se evitar o desperdício.

 

<< Voltar