152ª Edição - Ano IV
De 06 a 12 de fevereiro/2012
 

 
  FVE Assina Convênio com a Infraero
Formação Técnica de Profissionais da Área de Meteorologia


 
 
 
A sala da coordenadoria da Univap Virtual, responsável
pela Educação a Distância na Universidade
A Fundação Valeparaibana de Ensino (FVE), a partir de uma parceria entre a Univap Virtual e o Colégio Técnico Antônio Teixeira Fernandes, venceu pregão eletrônico publicado pela Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero).
A disputa teve como objeto a contratação de Instituição de Ensino para a oferta de Curso Técnico em Meteorologia na modalidade a distância para 300 observadores meteorológicos, empregados da Infraero, fisicamente alocados em vários estados brasileiros.
A Infraero é uma empresa pública nacional sediada em Brasília, vinculada à Secretaria de Aviação Civil e presente em todos os Estados brasileiros. A empresa administra 66 aeroportos, 69 Grupamentos de Navegação Aérea e 51 Unidades Técnicas de Aeronavegação, além de 34 terminais de logística de carga. Estes aeroportos concentram aproximadamente 97% do movimento do transporte aéreo regular do Brasil. Em números, isso equivale a 2,6 milhões de pousos e decolagens de aeronaves nacionais e estrangeiras, transportando cerca de 155,3 milhões de passageiros, por ano.
O curso visa à formação de profissionais para atuarem nas funções e/ou atividades previstas pela Organização Meteorológica Mundial (OMM), e será ministrado por professores doutores especializados em aeronáutica e ofertado na modalidade a distância.
Devido às características intrínsecas à função por eles desempenhadas e ao alto custo previsto para capacitação presencial conjunta, a Educação a Distância (EaD) mostra-se como uma das alternativas, ao ensino convencional, para a habilitação destes profissionais.
A proposta objetiva a melhoria qualitativa dos serviços prestados à nação, de acordo com a legislação vigente que cita a necessidade de habilitar como técnicos em meteorologia, todos os observadores meteorológicos em operação. Estes observadores estão fisicamente alocados nas bases localizadas em vários estados brasileiros.
O Curso Técnico em Meteorologia será oferecido em um módulo de doze meses letivos, divididos em três núcleos com um total de 1008 horas, às quais serão adicionadas 250 horas de estágio supervisionado. Serão duas turmas com 150 alunos cada. A primeira turma iniciará em março de 2012 e a segunda em fevereiro de 2013.
Este projeto é de suma importância para o Brasil, principalmente, por atender uma demanda de segurança nacional nas proximidades da copa do mundo e dos jogos olímpicos.

 
 
 


 
 

<< Voltar