155ª Edição - Ano IV
De 05 a 18 de março/2012
 

 
  Posse do Conselho Curador da Fundação Valeparaibana de Ensino

 
 
Representantes de diferentes segmentos da Sociedade Civil, entre eles, a Prefeitura Municipal de São José dos Campos, do Instituto Tecnológico de Aeronáutica, da Ordem dos Advogados do Brasil, Subseção de São José dos Campos, da Associação Comercial e Industrial, da Associação dos Engenheiros e Arquitetos, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, Lions Clube, Rotary Clube e membros oriundos da FVE e de suas Mantidas, totalizando 30 pessoas, tomaram posse junto ao Conselho Curador no último dia 13 de março, em cerimônia realizada no Campus Urbanova, em São José dos Campos.

O Presidente da FVE durante a
cerimônia de posse
 
Vista Parcial da sala do Conselho
 
Alguns membros do Conselho Curador

O Conselho Curador, Órgão Colegiado Soberano da FVE, possui a incumbência de garantir o patrimônio e zelar pelo cumprimento da Missão e dos Objetivos da FVE, impulsionando o planejamento da Instituição e fiscalizando o alcance de suas metas. Na cerimônia, o Presidente da FVE, Prof. Me. Samuel Roberto Ximenes Costa, fez o seguinte pronunciamento oficial.

Palavra do Presidente


Prezados Colegas Conselheiros

Tenho a honra e o orgulho de presidir a Fundação Valeparaibana de Ensino e esta que é uma sessão histórica de seu Egrégio Conselho Curador, pois que vem a ser mais um decisivo passo na direção da construção de uma entidade mais moderna, participativa e comprometida com os interesses coletivos. Na pessoa do conselheiro mais idoso, Prof. Dr. Antonio de Souza Teixeira Jr., Magnífico Reitor da Universidade do Vale do Paraíba, saúdo e abraço a cada um dos senhores. Colegas Conselheiros, ressalto neste momento o importante papel que cada um dos senhores exercerá neste Egrégio Conselho. Entendo que mais eficiente e eficaz será a participação do conselheiro quanto mais ele estiver imbuído do papel de administrador da FVE. Oxalá cada um de nós, neste momento, tome efetivamente a posse deste papel, pois o administrador coloca em primeiro lugar a sobrevivência e o crescimento da organização em detrimento de seus próprios e particulares interesses. Significa dizer por consequência, senhores e senhoras, que cada qual não está aqui para defender interesse de grupos, sejam docentes, discentes, pesquisadores, corpo técnico-administrativo, entidade externa ou partido político. Significa dizer por consequência, senhores e senhoras, que cada qual deve estar aqui para defender unicamente os interesses da FVE, seu fortalecimento e crescimento. E para que o crescimento ocorra de modo harmonioso e consistente significa que, de fato, o ser humano é quem precisa ser colocado em primeiro lugar. Neste sentido há que se respeitar a diversidade de pensamentos, de concepções, de visões, reconhecendo que ela, a diversidade, se bem coordenada, enriquece o debate e produz soluções mais inteligentes e completas para os problemas que por certo enfrentaremos. Bem vindos nobres conselheiros, tomem posse de seu importante papel, administrem conosco a FVE e assim cumpramos seu estatuto e regimento, especialmente no que concerne a seus nobres objetivos sociais.”

 
 
 


 
 

<< Voltar